NOVO! Nova revista digital Leia mais

Finanças S/A

Planejamento financeiro de longo prazo para o futuro dos filhos

4 Mins read
Especialistas da Messem Investimentos orientam os pais sobre como garantir reserva de dinheiro destinada à educação e ao desenvolvimento das crianças e jovens
POR Ricardo Viveiros & Associados 
Propósito! Esta é a grande chave para o planejamento financeiro familiar. E, hoje, existem excelentes instrumentos para atingir esses objetivos. “Com planejamento e educação financeira, é possível garantir a formação e o futuro da criança, mas é necessário investir da maneira correta”, explica a sócia responsável pela área de Private da Messem Investimentos, Denise Machado, acrescentando: “Quanto mais cedo começar um planejamento, melhor, mas isso não quer dizer que, se não foi possível iniciar antes, seja inviável alcançar suas metas”.

A executiva é um exemplo de boas práticas no planejamento financeiro da família. Tanto que adquiriu um plano de previdência privada para a filha recém-nascida, hoje com oito anos. De acordo com Denise, um dos fatores que levou em consideração refere-se aos planos escolares de longo prazo para a menina, tendo a meta de que curse uma boa universidade.

“Você deve calcular, a partir do momento do investimento, quanto custará a mensalidade do curso e realizar os aportes compatíveis. Em alguns casos, como na medicina, os valores costumam ser muito altos. Ou seja, é imprescindível se planejar”, afirma Denise, que tem o Certified Financial Planner (CFP), selo de garantia, qualidade e confiabilidade concedido aos melhores profissionais do setor financeiro.

A mesma lógica vale, por exemplo, no caso de uma aposentadoria. “Um cálculo necessário é: quanto eu preciso realizar de aportes para eu me aposentar com o valor desejado na época prevista. Por isso, é importante contar com uma boa assessoria financeira profissional para poder escolher a melhor opção dentro de suas possibilidades financeiras”, diz a sócia da Messem. Ela ressalta que também é recomendável a mesma atitude no caso de um planejamento de viagem ou aquisição de um bem.

“A previdência é um investimento de longuíssimo prazo, visando algo essencial, que é a garantia de renda no futuro. Portanto, deve ser entendida com uma das últimas opções de socorro em momentos de emergência”, ressalta.
De acordo com a executiva, existem hoje excelentes instrumentos financeiros no mercado para quem deseja realizar um planejamento. Mas, é necessário traçar os objetivos e sonhos com metas bem definidas, ter disciplina e acompanhar o desempenho do produto financeiro escolhido. “Não é simplesmente adquirir um plano e não checar seu desempenho. É preciso acompanhar se o rendimento está de acordo com o padrão do mercado”, diz.

Denise ressalta que, para um planejamento a longo prazo dar certo, é necessária uma boa gestão financeira do orçamento doméstico. “Só com organização é possível controlar os gastos de uma forma que, na medida do possível, se possa economizar e guardar para o futuro”, destaca a executiva.

Opções

Existem boas opções de produtos no mercado financeiro para executar um planejamento a longo prazo, lembra o head da Conexão Messem, Vinicius Teixeira. Uma de suas estratégias é a compra de cotas de fundos imobiliários para sua filha, que nasceu em fevereiro deste ano. “Vou fazendo pequenos aportes mensais no fundo. Quando ela tiver ao redor de 12 anos, o rendimento de fluxo mensal será transformado numa mesada. E, mais tarde, os recursos podem ser usados para cursar uma universidade ou intercâmbio”, conta o especialista.

Outra opção interessante, destaca Teixeira, é adquirir um plano de previdência privada. “Existem excelentes planos disponíveis hoje no mercado, administradores por gestores experientes. É uma saída mais prática, para quem não tem tanto tempo para se dedicar à administração dos investimentos”. O fundo de previdência privada conta com outra vantagem importante: benefícios fiscais que, na ponta do lápis, podem tornar o rendimento atraente num prazo maior.
Para os pais com perfil mais arrojado, com conhecimento maior do mercado, o gestor recomenda investimentos em ações, sobretudo se o horizonte de retorno estiver em 10 ou 15 anos, no mínimo. “É um investimento cujo comportamento do rendimento deve ser observado a longo prazo, independentemente das oscilações momentâneas. Por isso, as ações preferidas, neste caso, devem ser de setores com mercados mais estáveis.

Teixeira lembra que, ao procurar investir, o ideal é procurar casas e gestores que mostrem boa performance num horizonte maior. “Não é o rendimento dos últimos seis meses que é determinante, já que pode ter ocorrido um fator sazonal. E, sim, qual foi o rendimento sobretudo nos momentos de crise, que foram verdadeiros testes de mercado”, finaliza.

Jovens

Felipe Molero, que comanda o canal de investimentos Kid Investor no YouTube, diz que recebe cada vez mais mensagens com pedidos de dicas para se planejar em longo prazo. Segundo ele, há casos em que as crianças ainda estão na barriga da mãe, mas os pais já começam a pensar em poupar para garantir o futuro da família.

“Também há casos de pais que querem que os filhos participem desse planejamento. É uma excelente forma de educação financeira”, ressalta ele. Aos 14 anos, Moleiro é um sucesso entre os jovens e vê um crescimento cada vez maior do público que pretende planejar-se. “A mentalidade dos jovens com relação ao futuro está mudando”, diz, acentuando que poupar ao longo do tempo é uma excelente forma de realizar seus objetivos ou não ter problemas financeiros posteriormente.

Moleiro lembra que nem sempre é preciso guardar recursos ao longo do tempo com um objetivo específico. “As suas prioridades podem mudar, assim como o próprio mercado. O importante é você se planejar para ter o recurso disponível no momento que precisar”, finaliza ele.

Crédito: divulgação
Related posts
Finanças S/A

Saiba porque a poupança ainda é o 'patinho feio' na estratégia financeira das pessoas.

3 Mins read
Por André Vilar * Uma rápida pesquisa nos portais de busca na web já é suficiente para encontrar uma infinidade de análises…
Finanças S/A

O impacto da transformação digital no mercado financeiro

3 Mins read
Por André Bravo O setor financeiro no Brasil é um dos principais alvos da inovação, pois tem levado tecnologia e automação aos…
Finanças S/A

Fintech ajuda investidor da renda fixa a diversificar com financiamento de energia solar

4 Mins read
meta da Mutual é transacionar R$ 8 milhões ao mês em crédito para energia solar até final deste ano POR MODO CON …
Fique por dentro das novidades

Se inscrevendo em nossa newsletter você ganha benefícios surpriendentes.